[Liga Portuguesa] [20ª Jornada] CS Marítimo x FC Porto

BlueSoul

Portista Divino
Sim, nisto concordo.
Mas com o Sérgio Conceição sempre foi assim, estamos a notar isto mais esta época do que nas outras porque havia Danilo. E sobre Danilo até se pode comentar muita coisa, principalmente o que foram os últimos meses dele no FC Porto. Porém era por causa dele que havia algum equilíbrio defensivo. Aliás, nos jogos em que o Danilo decidia "desaparecer" era quando sofríamos mais.

Esta época não temos esse "trinco", que sabe muito bem ler os momentos para baixar e compensar os movimentos dos centrais quando estes iam fechar os tais buracos deixados pelos laterais.
Uribe tem feito uma época bastante positiva. Porém acho que o ponto forte do Uribe é a sua leitura de jogo e capacidade de antecipação, é por isso que muitas vezes parece que ele está sempre no sitio certo para roubar bolas, mas nesse tal posicionamento defensivo onde é preciso baixar e tapar "buracos" ele já não sabe fazer isso.

Aliás não acho que foi por acaso que o Sérgio tentou em alguns jogos jogar num 3x5x2. Ele sabe que não tem no plantel esse médio como Danilo e procura numa defesa com 3 centrais ter esse equilíbrio defensivo, pois ao mesmo tempo ele não abdica de ter os laterais sempre projetados.
Alguns dos problemas defensivos do FC Porto poderiam ser resolvidos se os laterais fossem ligeiramente mais contidos, principalmente quando jogamos em 4x4x2 ou 4x2x4. Quer dizer, se já temos 4 jogadores de ataque porquê ainda meter mais os dois laterais nessa equação? Obviamente que depois é natural haverem os tais buracos.
Outra forma era mudar o esquema táctico para um 4x3x3, com Oliveira e Uribe mais fixos atrás, Otávio na frente deles e a esticar jogo estando sempre a aparecer nas costas de Taremi, e nas alas bem abertos Diaz e Corona. Assim se os laterais se projectassem para o ataque seria mais muito mais complicado para os adversários explorarem esse espaço, pois pelo meio teríamos sempre dois médios a fechar, logo por ai seria mais complicado para o adversário construir. Depois não haveria tanto stress quando o Pepe ou o Mbemba têm de ir fechar à lateral porque novamente pelo meio havia a presença que muitas vezes falta agora.
Concordo.
 

Thegodfather

Portista Divino
Não consigo descortinar o toque. Aquilo parece-me ressalto na relva


Se colocares a velocidade de reprodução a 0.25, entre o minuto 0:30 e 0:33 dá para perceber que ele toca na bola pois esta muda ligeiramente de trajetória e leva também um efeito ligeiramente diferente depois do toque.
Mas mesmo que não exista toque, não deixa de interferir na jogada. Logo, pelo menos tanto quanto sei, teria de ser assinalado fora-de-jogo.
 

DLX17

DLX17
Repararam no que fizeram aos nossos jogadores? O Corona nota-se que tem medo de fazer faltas... O Diaz, naquele choque com o Amir, viu a vidinha a andar para trás...

Foderam o psicológico todo aos jogadores com aquelas idiotices.
 
Última edição:

DR

Portista Divino

O 25 do maritimo tenta jogar a bala. Gostava de ver a linha.

Não precisamos da linha porque se parares o vídeo no momento do suposto toque o jogador do Marítimo que marca já está na linha da pequena área e todos os nossos jogadores estão depois.

Mas eu não consigo ter a certeza se toca, parece que há um toque ao de leve, mas não consigo ter a certeza. Mesmo não tocando eu acho que interferiu na jogada.

edit: o jogador que se faz ao lance não está fora-de-jogo, logo não tocando acho que não interessa para nada lol
 
Última edição:

DLX17

DLX17
Não sei se teria de ser anulado só por se fazer ao lance... Não conheço a regra mas, como não é aquele que está em posição irregular, não tocando na bola, não tem qualquer interferência na jogada.

A questão é que me dá a clara impressão de que toca na bola... Ligeiramente, mas toca.
 

Enigmatic

Portista Divino
Não sei se teria de ser anulado só por se fazer ao lance... Não conheço a regra mas, como não é aquele que está em posição irregular, não tocando na bola, não tem qualquer interferência na jogada.

A questão é que me dá a clara impressão de que toca na bola... Ligeiramente, mas toca.

Desculpa, pensei que o fora de jogo era nesse que se faz ao lance. No decorrer do jogo não estava atento.
 

respectivo

Portista Divino
O que conta é se o jogador tem influência na jogada ou não. Não é necessário o jogador tocar na bola para ser marcado fora de jogo, ou sequer ter que se fazer à jogada. Se o jogador estiver a obstruir a ação do guarda redes, por exemplo, é fora de jogo, mesmo que este não se mostre interessado em discutir o lance.

Já vimos bastantes golos a serem anulados por foras de jogo posicionais neste campeonato. A grande maioria é pela obstrução da visão do guarda redes, que fica com a acção limitada
 
Top