[2017/18] Equipa técnica Somos Porto

Estado
Fechado a novas respostas.

Bebe

Portista Lenda
Nao sei porque mas tenho um feeling que isto com o SC vai dar-nos titulos. E isto apesar dele nao ser a minha 1,2 nem 3 opcao
 

NERU

Portista Divino
Não eras a minha primeira escolha, mas conforme foi aparecendo os nomes acabei por ir interiorizando essa ideia e terás todo o meu apoio Sergio, na pior era do PdC e com o Porto num caos e com os mouros a dominar tudo que é extra futebol, abdicar de uma época tranquila a ganhar o teu dinheiro para vires aqui tentar ganhar, mostra a ambiçao e personalidade que um treinador do Porto deve ter, aliado a isto todo o problema familiar que enfrenta ainda fortalece mais essa personalidade. Taticamente não vou comentar pois nao o Porto nunca vai poder jogar como o SC sempre quis, transição. Portanto resta dar todo o meu apoio e esperar que nos faças a nós e a ti felizes daqui a um ano.
 
1 - Ninguém sabe qual é a doença que a esposa dele tem.

2 - O Sérgio pode ter muitos defeitos, mas não é estúpido. Se entende que é capaz de conciliar a doença da esposa com um cargo no Porto, principalmente porque pode estar ao lado dela e no Nantes não, o que faz uma enorme diferença, respeitemos a decisão.

3 - Nunca mais acaba a silly season para o fórum ficar limpo outra vez. Porque infelizmente em cada 5 users de grande valor que chegaram ao fórum (e espero que continuem) há sempre 1 troll.
 
Última edição:

Edgar Siska

Dark Lord
Membro do Staff
1 - Ninguém sabe qual é a doença que a esposa dele tem.

2 - O Sérgio pode ter muitos defeitos, mas não é estúpido. Se entende que é capaz de conciliar a doença da esposa com um cargo no Porto, principalmente porque pode estar ao lado dela e no Nantes não, o que faz uma enorme diferença, respeitemos a decisão.

3 - Nunca mais acaba a silly season para o fórum ficar limpo outra vez. Porque infelizmente em cada 5 users de grande valor que chegaram ao fórum (e espero que continuem) há sempre 1 troll.

O Nuno Manta quis demonstrar aqui estar disponível e criou a conta.
 

Slash

Baró é o meu pai e o Fábio Silva a minha mãe
Já apareceu algum click bait do género doença de mulher de Sérgio Conceição é motivo de separação?
 

respectivo

Portista Divino
Mas eu liguei para a SIC e apanhei a telenovela? Estamos aqui para falar de futebol, ou da vida pessoal do homem?? Que o Sérgio Conceição é um homem de valores, já todos nós sabemos, não precisa de ser aqui relembrado. Agora, o FC Porto, contratou o treinador Sérgio Conceição, e não o homem. E nesse sentido, acho, com todo o respeito, que a sua esposa, ou qualquer outro familiar dele, ou qualquer outro assunto do nível pessoal dele, não são para aqui chamados.

Colocando isto em pratos limpos, passo agora ao futebol.

Vejo muita gente a elogiar os magníficos resultados que ele teve por onde passou. Eu recuso-me a avaliar o futebol apenas e só por resultados, mas vamos então a eles.
Na Olhanense, acho que nem vale muito a pena alongar-me. Fez a segunda volta da sua primeira época, e a primeira volta da segunda época. Pelo meio tem uns resultados interessantes, como um empate com o Benfica em casa, tem outro que eu não valorizo, que é um empate contra o Sporting de Godinho Lopes, e tem 2 grandes vitórias fora de casa, uma em Braga, e outra em Vila do Conde. Ainda tem um impressionante empate a 4 bolas em Braga, e outro a 2 bolas em Guimarães, mas nenhum deles é melhor resultado, a meu ver, do que o empate frente ao Paços de Ferreira de Paulo Fonseca, que chegou ao final do campeonato em 3º lugar, apenas com 4 derrotas, nos 2 confrontos com o Benfica e com o FC Porto. O futebol do Sérgio, baseado em blocos baixos, e transições rápidas, era perfeitamente justificável, tendo em conta o clube que era, o seu plantel, e os objectivos de permanência.

O trabalho foi bom, e ganhou o convite para treinar a Académica. A Académica, é um histórico de Portugal, e não era aquilo que é hoje. Uma equipa que lutava por lugares europeus, e um terreno tradicionalmente complicado para os visitantes. Lá, as coisas não correm tão bem como em Olhão. 9 vitórias no campeonato é manifestamente pouco, sendo o ponto mais alto a vitoria em casa frente ao FC Porto de Paulo Fonseca, e outra vitória em Braga. Tem novo empate em Alvalade, frente ao Sporting de Leonardo Jardim.

O gajo foi tão praga para o Braga, que os gajos decidiram contrata-lo depois de um ano sem sequer se terem apurado para as competições europeias, ficando em 9, atrás da Académica de Sérgio Conceição, com Jesualdo, e Jorge Paixão ( lol ) ao leme. Em Braga faz provavelmente a sua melhor época a nível desportivo até então. Coloca a equipa num sólido 4 lugar, e leva-a até a uma final da taça, que a perde anedóticamente frente ao Sporting, depois de estar a ganhar por 2 0, com mais um elemento em campo. Venceu para o campeonato, e para a taça de Portugal, o Benfica, e arrumou também o Vitória da taça. O seu despedimento acaba por ser incompreensível, mas é a vida de um treinador de António Salvador.

Despedido de Braga, abraçado em Guimarães, onde faz a pior época. Um clube como o Vitória, não pode acabar uma época com 8 vitórias. A maior delas, foi em casa, frente ao FC Porto, num toca a reunir de tropas. Pelo caminho é eliminado da Liga Europa, na primeira ronda, pelo SCR Altach, da Áustria, por uns expressivos 6 2! Da taça pelo Penafiel! É goleado em Alvalade pelo Sporting de Jesus! Um futebol, lento, chato, sem ideias, poucas oportunidades de golo, muito parecido com o praticado em Olhão e em Coimbra. Enfim, uma desgraça, que não chegou ao fim da época para ele.

Em França, já toda a gente falou dos números dele. Nem vale a pena estar a tocar no assunto. Quanto ao futebol praticado pelo Nantes, também não sei, não vi, muito sinceramente. Relembro só que o Nantes também não é uma equipa qualquer. É um histórico. E a verdade, é que dos adversários que ficaram à frente do Nantes, apenas conseguiu uma vitoria frente ao Marselha em casa, e um empate com o Nice também em casa. Jogos com o Saint-Étienne, e Rennes, deram empate, e os jogos com o Lille e Bordéus deram derrotas. Todos eles "rivais" directos pela posição. Por isso, e olhando só para os números, não me consigo impressionar por eles, mesmo sabendo à partida de que o Nantes ia muito mal até à sua chegada.

Já o disse. Não era a minha escolha, nem perto de ser estava. Foi ele o eleito, cá estarei para o receber de braços abertos. O sucesso desportivo dele, é o sucesso do FC Porto, e o sucesso do FC Porto é um grande contributo para a minha felicidade. Estamos todos no mesmo barco, e nesse sentido terá sempre o meu apoio, como todo e qualquer treinador e jogador, que nos representa.
 

sdriviere

Portista Titular
e se parasses de dizer disparates?
É a realidade!!!...se foi desculpa para sair do Nantes, podia ter inventado outra...até porque o presidente do Nantes é das pessoas mais ricas de França...daria todas as condições à familia do Sérgio Conceição para estarem perto dele, isto para não falar a nivel de acompanhamento médico!!!...ganha juizo!!!...
 

Vudu

Administrador
Membro do Staff
Mas eu liguei para a SIC e apanhei a telenovela? Estamos aqui para falar de futebol, ou da vida pessoal do homem?? Que o Sérgio Conceição é um homem de valores, já todos nós sabemos, não precisa de ser aqui relembrado. Agora, o FC Porto, contratou o treinador Sérgio Conceição, e não o homem. E nesse sentido, acho, com todo o respeito, que a sua esposa, ou qualquer outro familiar dele, ou qualquer outro assunto do nível pessoal dele, não são para aqui chamados.

Colocando isto em pratos limpos, passo agora ao futebol.

Vejo muita gente a elogiar os magníficos resultados que ele teve por onde passou. Eu recuso-me a avaliar o futebol apenas e só por resultados, mas vamos então a eles.
Na Olhanense, acho que nem vale muito a pena alongar-me. Fez a segunda volta da sua primeira época, e a primeira volta da segunda época. Pelo meio tem uns resultados interessantes, como um empate com o Benfica em casa, tem outro que eu não valorizo, que é um empate contra o Sporting de Godinho Lopes, e tem 2 grandes vitórias fora de casa, uma em Braga, e outra em Vila do Conde. Ainda tem um impressionante empate a 4 bolas em Braga, e outro a 2 bolas em Guimarães, mas nenhum deles é melhor resultado, a meu ver, do que o empate frente ao Paços de Ferreira de Paulo Fonseca, que chegou ao final do campeonato em 3º lugar, apenas com 4 derrotas, nos 2 confrontos com o Benfica e com o FC Porto. O futebol do Sérgio, baseado em blocos baixos, e transições rápidas, era perfeitamente justificável, tendo em conta o clube que era, o seu plantel, e os objectivos de permanência.

O trabalho foi bom, e ganhou o convite para treinar a Académica. A Académica, é um histórico de Portugal, e não era aquilo que é hoje. Uma equipa que lutava por lugares europeus, e um terreno tradicionalmente complicado para os visitantes. Lá, as coisas não correm tão bem como em Olhão. 9 vitórias no campeonato é manifestamente pouco, sendo o ponto mais alto a vitoria em casa frente ao FC Porto de Paulo Fonseca, e outra vitória em Braga. Tem novo empate em Alvalade, frente ao Sporting de Leonardo Jardim.

O gajo foi tão praga para o Braga, que os gajos decidiram contrata-lo depois de um ano sem sequer se terem apurado para as competições europeias, ficando em 9, atrás da Académica de Sérgio Conceição, com Jesualdo, e Jorge Paixão ( lol ) ao leme. Em Braga faz provavelmente a sua melhor época a nível desportivo até então. Coloca a equipa num sólido 4 lugar, e leva-a até a uma final da taça, que a perde anedóticamente frente ao Sporting, depois de estar a ganhar por 2 0, com mais um elemento em campo. Venceu para o campeonato, e para a taça de Portugal, o Benfica, e arrumou também o Vitória da taça. O seu despedimento acaba por ser incompreensível, mas é a vida de um treinador de António Salvador.

Despedido de Braga, abraçado em Guimarães, onde faz a pior época. Um clube como o Vitória, não pode acabar uma época com 8 vitórias. A maior delas, foi em casa, frente ao FC Porto, num toca a reunir de tropas. Pelo caminho é eliminado da Liga Europa, na primeira ronda, pelo SCR Altach, da Áustria, por uns expressivos 6 2! Da taça pelo Penafiel! É goleado em Alvalade pelo Sporting de Jesus! Um futebol, lento, chato, sem ideias, poucas oportunidades de golo, muito parecido com o praticado em Olhão e em Coimbra. Enfim, uma desgraça, que não chegou ao fim da época para ele.

Em França, já toda a gente falou dos números dele. Nem vale a pena estar a tocar no assunto. Quanto ao futebol praticado pelo Nantes, também não sei, não vi, muito sinceramente. Relembro só que o Nantes também não é uma equipa qualquer. É um histórico. E a verdade, é que dos adversários que ficaram à frente do Nantes, apenas conseguiu uma vitoria frente ao Marselha em casa, e um empate com o Nice também em casa. Jogos com o Saint-Étienne, e Rennes, deram empate, e os jogos com o Lille e Bordéus deram derrotas. Todos eles "rivais" directos pela posição. Por isso, e olhando só para os números, não me consigo impressionar por eles, mesmo sabendo à partida de que o Nantes ia muito mal até à sua chegada.

Já o disse. Não era a minha escolha, nem perto de ser estava. Foi ele o eleito, cá estarei para o receber de braços abertos. O sucesso desportivo dele, é o sucesso do FC Porto, e o sucesso do FC Porto é um grande contributo para a minha felicidade. Estamos todos no mesmo barco, e nesse sentido terá sempre o meu apoio, como todo e qualquer treinador e jogador, que nos representa.



Justo, coerente e completo. Faco minhas as tuas palavras e que seja bem-vindo.
 

Carix

Portista Divino
É a realidade!!!...se foi desculpa para sair do Nantes, podia ter inventado outra...até porque o presidente do Nantes é das pessoas mais ricas de França...daria todas as condições à familia do Sérgio Conceição para estarem perto dele, isto para não falar a nivel de acompanhamento médico!!!...ganha juizo!!!...

puto cresce e aparece, não gostas do treinador escolhido, vai-te queixar ao presidente
 

Lipstatic

Portista Divino
Mas eu liguei para a SIC e apanhei a telenovela? Estamos aqui para falar de futebol, ou da vida pessoal do homem?? Que o Sérgio Conceição é um homem de valores, já todos nós sabemos, não precisa de ser aqui relembrado. Agora, o FC Porto, contratou o treinador Sérgio Conceição, e não o homem. E nesse sentido, acho, com todo o respeito, que a sua esposa, ou qualquer outro familiar dele, ou qualquer outro assunto do nível pessoal dele, não são para aqui chamados.

Colocando isto em pratos limpos, passo agora ao futebol.

Vejo muita gente a elogiar os magníficos resultados que ele teve por onde passou. Eu recuso-me a avaliar o futebol apenas e só por resultados, mas vamos então a eles.
Na Olhanense, acho que nem vale muito a pena alongar-me. Fez a segunda volta da sua primeira época, e a primeira volta da segunda época. Pelo meio tem uns resultados interessantes, como um empate com o Benfica em casa, tem outro que eu não valorizo, que é um empate contra o Sporting de Godinho Lopes, e tem 2 grandes vitórias fora de casa, uma em Braga, e outra em Vila do Conde. Ainda tem um impressionante empate a 4 bolas em Braga, e outro a 2 bolas em Guimarães, mas nenhum deles é melhor resultado, a meu ver, do que o empate frente ao Paços de Ferreira de Paulo Fonseca, que chegou ao final do campeonato em 3º lugar, apenas com 4 derrotas, nos 2 confrontos com o Benfica e com o FC Porto. O futebol do Sérgio, baseado em blocos baixos, e transições rápidas, era perfeitamente justificável, tendo em conta o clube que era, o seu plantel, e os objectivos de permanência.

O trabalho foi bom, e ganhou o convite para treinar a Académica. A Académica, é um histórico de Portugal, e não era aquilo que é hoje. Uma equipa que lutava por lugares europeus, e um terreno tradicionalmente complicado para os visitantes. Lá, as coisas não correm tão bem como em Olhão. 9 vitórias no campeonato é manifestamente pouco, sendo o ponto mais alto a vitoria em casa frente ao FC Porto de Paulo Fonseca, e outra vitória em Braga. Tem novo empate em Alvalade, frente ao Sporting de Leonardo Jardim.

O gajo foi tão praga para o Braga, que os gajos decidiram contrata-lo depois de um ano sem sequer se terem apurado para as competições europeias, ficando em 9, atrás da Académica de Sérgio Conceição, com Jesualdo, e Jorge Paixão ( lol ) ao leme. Em Braga faz provavelmente a sua melhor época a nível desportivo até então. Coloca a equipa num sólido 4 lugar, e leva-a até a uma final da taça, que a perde anedóticamente frente ao Sporting, depois de estar a ganhar por 2 0, com mais um elemento em campo. Venceu para o campeonato, e para a taça de Portugal, o Benfica, e arrumou também o Vitória da taça. O seu despedimento acaba por ser incompreensível, mas é a vida de um treinador de António Salvador.

Despedido de Braga, abraçado em Guimarães, onde faz a pior época. Um clube como o Vitória, não pode acabar uma época com 8 vitórias. A maior delas, foi em casa, frente ao FC Porto, num toca a reunir de tropas. Pelo caminho é eliminado da Liga Europa, na primeira ronda, pelo SCR Altach, da Áustria, por uns expressivos 6 2! Da taça pelo Penafiel! É goleado em Alvalade pelo Sporting de Jesus! Um futebol, lento, chato, sem ideias, poucas oportunidades de golo, muito parecido com o praticado em Olhão e em Coimbra. Enfim, uma desgraça, que não chegou ao fim da época para ele.

Em França, já toda a gente falou dos números dele. Nem vale a pena estar a tocar no assunto. Quanto ao futebol praticado pelo Nantes, também não sei, não vi, muito sinceramente. Relembro só que o Nantes também não é uma equipa qualquer. É um histórico. E a verdade, é que dos adversários que ficaram à frente do Nantes, apenas conseguiu uma vitoria frente ao Marselha em casa, e um empate com o Nice também em casa. Jogos com o Saint-Étienne, e Rennes, deram empate, e os jogos com o Lille e Bordéus deram derrotas. Todos eles "rivais" directos pela posição. Por isso, e olhando só para os números, não me consigo impressionar por eles, mesmo sabendo à partida de que o Nantes ia muito mal até à sua chegada.

Já o disse. Não era a minha escolha, nem perto de ser estava. Foi ele o eleito, cá estarei para o receber de braços abertos. O sucesso desportivo dele, é o sucesso do FC Porto, e o sucesso do FC Porto é um grande contributo para a minha felicidade. Estamos todos no mesmo barco, e nesse sentido terá sempre o meu apoio, como todo e qualquer treinador e jogador, que nos representa.
Concordo com o que disseste, mas tenho uma correção a fazer. Quem foi eliminado frente ao Altach foi o Armando Evangelista. Aliás penso até ter sido essa derrota que o mandou embora.
 

revolta

Administrador
Membro do Staff
Devo ser mais portista do que tu!!!...inscrevi-me neste forum porque já estou farto de ser banido do zerozero por defender o meu clube!!!...

puto cresce e aparece, não gostas do treinador escolhido, vai-te queixar ao presidente

Meus caros... eu não me vou repetir acerca destes comportamentos... calma e não se ponham a fazer spam/offtopic/ofender-se no topico.
 
Estado
Fechado a novas respostas.
Top