[2017/18] Equipa técnica Somos Porto

Estado
Fechado a novas respostas.

Overture

Portista Divino
O problema com Sérgio é que, infelizmente, a massa adepta está farta de experiências e o saldo recente faz com que ninguém esteja disposto a, mais uma vez, arriscar um projecto em alguem que não transmita estabilidade e certezas absolutas.
É mesmo isto. Eu gostava de ver o Sérgio Conceição a treinar o Porto no futuro, agora, no presente, não sei se ele terá qualidade suficiente. É uma incerteza maior do que seria um Marco Silva, por exemplo, isto na minha opinião. Agora, a nível de carácter não há ninguém mais indicado, isso não. Se for ele terá o meu apoio nem que seja só por isso, tenho grande respeito por ele.
 

BlueSoul

Portista Divino
Claro que o clube está nas lonas. Precisamos de um treinador minimamente competente. Temos tido tão fracos que não precisamos de nenhum Mourinho. E as escolhas dos jogadores têm de ser acacertadas.
 

revolta

Administrador
Membro do Staff
Bem, este tópico podia mudar de nome para "Cuspir um nome para o ar e ver se acerta..."

Independemente do nome que a SAD possa vir a ter em escolha para o proximo ano, certamente que a CS deve andar aos papéis sobre quem possa ser. Lembrar que antes do Lopetego andaram mil nomes pelo ar e penso que nunca se falou dele.

Sendo construtivo, cá vai a minha opinião:

Marco Silva - o rapazola até se desenrascou bem lá pelas Grécias e foi campeão num clube onde toda a gente é campeão (excepto o Paulo Bento). No Hull ele fez o que pode, mas quem viu o desaire com o ultimo classificado percebeu que aquilo também não dava para mais, os pés de muitos daqueles jogadores eram comparavéis a talochas dos trolhas (lembrar que o Evandro é um herói naquelas bandas). Ao FCP poderia trazer uma mentalidade diferente, conhece o Tugão e sabe melhor que ninguem que a liga por cá não se joga só nas 4 linhas. No entanto, não é um Salvador na Eurovisão, porque embora pareça com um discurso sério, não deixa de cheirar a puto por todo o lado.

Sérgio Conceição - Rapaz sério e determinado. Bom trabalho no Nantes. Sabe o que é ser do Porto. ... Metade dos jogos castigado, outra metade expulso. Precisamos de um gajo com outra "calma"...

Vitor Pereira - Eu sei que o homem foi bicampeão, perdeu apenas um jogo... mas o meu coração não aguenta tanto susto.

Claudio Ranieri - Não se que se trate do mesmo material, afinal o homem foi campeão inglês com uma cambada de rapazolas que ainda nem sabiam bem o que era a Premier. Mas convinhamos, o homem só ganhou isso digno de nota. Se por ganhar um titulo com uma equipa por acaso é critério para o FCP, então o Jaime Pacheco está na lista?

Berizzo - O quase não chega... foi assim que o presidente do Celta também deve ter pensado. Quase na final da LE, quase na final da Taça do Rei... mas meio da tabela na Liga... curto, muito curto para o que precisamos!

Jesus - :facepalm:

Pedro Martins -
Não sei... acho que na hora H a coisa não resulta.

Unai Emery - Cada vez que penso noutro espanhol para liderar o Porto até se me arrepiam os pêlos mais curtinhos do corpo. Lopeteguis e Fernandez e outras coisas dessas assolam-me o pensamento... mas depois lembro-me do Sevilha deste homem a jogar a bola e penso que talvez possa ser o que precisamos... sair dos balneários a cada jogo a dizer: "Posso morrer de cansaço neste jogo, mas os inimigos morrem comigo.". Esforço, capacidade fisica, futebol intenso e aberto... que dá gosto de ver.

Entretanto, tenho aqui alguns candidatos que podem ainda ser opções válidas :help::

 

GabKoost

Portista Divino
Convenço-me cada vez mais que teremos uma surpresa daquelas.

Também não me surpreende.

Há 4 anos que digo que o problema é um presidente cuja idade é absolutamente incompatível com o necessário para renovar o clube.

Estes são anos de novas tecnologias, cultura da imagem, peso do marketing, globalização da informação, rapidez fulgurante na mudança etc.

Olhem para PdC e vejam se alguma vez apostariam o vosso dinheiro num Porto novamente dominador com um presidente tendo o seu perfil.

Nós cheiramos a mofo e o pó que envolve tudo à volta do clube sempre que se tem de mexer na arrecadação cega toda a gente.
 

Edgar Siska

Dark Lord
Membro do Staff
Bem, este tópico podia mudar de nome para "Cuspir um nome para o ar e ver se acerta..."

Independemente do nome que a SAD possa vir a ter em escolha para o proximo ano, certamente que a CS deve andar aos papéis sobre quem possa ser. Lembrar que antes do Lopetego andaram mil nomes pelo ar e penso que nunca se falou dele.

Sendo construtivo, cá vai a minha opinião:

Marco Silva - o rapazola até se desenrascou bem lá pelas Grécias e foi campeão num clube onde toda a gente é campeão (excepto o Paulo Bento). No Hull ele fez o que pode, mas quem viu o desaire com o ultimo classificado percebeu que aquilo também não dava para mais, os pés de muitos daqueles jogadores eram comparavéis a talochas dos trolhas (lembrar que o Evandro é um herói naquelas bandas). Ao FCP poderia trazer uma mentalidade diferente, conhece o Tugão e sabe melhor que ninguem que a liga por cá não se joga só nas 4 linhas. No entanto, não é um Salvador na Eurovisão, porque embora pareça com um discurso sério, não deixa de cheirar a puto por todo o lado.

Sérgio Conceição - Rapaz sério e determinado. Bom trabalho no Nantes. Sabe o que é ser do Porto. ... Metade dos jogos castigado, outra metade expulso. Precisamos de um gajo com outra "calma"...

Vitor Pereira - Eu sei que o homem foi bicampeão, perdeu apenas um jogo... mas o meu coração não aguenta tanto susto.

Claudio Ranieri - Não se que se trate do mesmo material, afinal o homem foi campeão inglês com uma cambada de rapazolas que ainda nem sabiam bem o que era a Premier. Mas convinhamos, o homem só ganhou isso digno de nota. Se por ganhar um titulo com uma equipa por acaso é critério para o FCP, então o Jaime Pacheco está na lista?

Berizzo - O quase não chega... foi assim que o presidente do Celta também deve ter pensado. Quase na final da LE, quase na final da Taça do Rei... mas meio da tabela na Liga... curto, muito curto para o que precisamos!

Jesus - :facepalm:

Pedro Martins -
Não sei... acho que na hora H a coisa não resulta.

Unai Emery - Cada vez que penso noutro espanhol para liderar o Porto até se me arrepiam os pêlos mais curtinhos do corpo. Lopeteguis e Fernandez e outras coisas dessas assolam-me o pensamento... mas depois lembro-me do Sevilha deste homem a jogar a bola e penso que talvez possa ser o que precisamos... sair dos balneários a cada jogo a dizer: "Posso morrer de cansaço neste jogo, mas os inimigos morrem comigo.". Esforço, capacidade fisica, futebol intenso e aberto... que dá gosto de ver.

Entretanto, tenho aqui alguns candidatos que podem ainda ser opções válidas :help::


Nenhum serve é isso?
PS Esqueceste-te da minha foto.
 

GabKoost

Portista Divino
Entretanto, tenho aqui alguns candidatos que podem ainda ser opções válidas :help::


A partir da 2ª volta, entendeu como as coisas funcionavam por cá e praticou o melhor futebol (mais atractivo) a nível interno que alguma vez vi no Porto.

3 defesas que na realidade eram 2 (Pepe e P.Emanuel) pois Bosingwa andava sempre mais à frente, um trinco e, o resto, era carne para o assador.

Domínio completo do adversário, golos e mais golos, ataque avassalador.

Saiu a mal com PdC porque o presidente lhe falhou à promessa de contratar um avançado de qualidade para poder almejar os objectivos assumidos.

Resumindo, era um Jesus Holandês que não precisou de muito tempo de adaptação para ser campeão (ao contrário do Lopatego).
 

negh_duarte

Portista Divino
oh pah, isto aqui é uma cambada a precisar de ansiolíticos e quando se fartam da conversa voltam às outras "conversas", porque isto é assim, porque aquilo é assado, porque o presidente isto, a sad aquilo, etc e tal... menos, muito menos...
 

negh_duarte

Portista Divino
A partir da 2ª volta, entendeu como as coisas funcionavam por cá e praticou o melhor futebol (mais atractivo) a nível interno que alguma vez vi no Porto.

3 defesas que na realidade eram 2 (Pepe e P.Emanuel) pois Bosingwa andava sempre mais à frente, um trinco e, o resto, era carne para o assador.

Domínio completo do adversário, golos e mais golos, ataque avassalador.

Saiu a mal com PdC porque o presidente lhe falhou à promessa de contratar um avançado de qualidade para poder almejar os objectivos assumidos.

Resumindo, era um Jesus Holandês que não precisou de muito tempo de adaptação para ser campeão (ao contrário do Lopatego).

Sinceramente, e ja que andamos numa de achar, eu até acho que o perfil deste artista era o que mais se aproximava do que eu via com bons olhos - simplesmente pela filosofia de dar murros na mesa e arrumar a casa... Adiante!
 

revolta

Administrador
Membro do Staff
oh pah, isto aqui é uma cambada a precisar de ansiolíticos e quando se fartam da conversa voltam às outras "conversas", porque isto é assim, porque aquilo é assado, porque o presidente isto, a sad aquilo, etc e tal... menos, muito menos...

O objectivo aqui é trocar opiniões, desde que de forma ordeira e com respeito pelas opiniões dos outros... ninguém aqui pode dizer que o treinador do proximo ano é o A ou o B. Mas podemos dizer quem gostariamos e porquê e temos direito a criticar...
 

Edgar Siska

Dark Lord
Membro do Staff
A partir da 2ª volta, entendeu como as coisas funcionavam por cá e praticou o melhor futebol (mais atractivo) a nível interno que alguma vez vi no Porto.

3 defesas que na realidade eram 2 (Pepe e P.Emanuel) pois Bosingwa andava sempre mais à frente, um trinco e, o resto, era carne para o assador.

Domínio completo do adversário, golos e mais golos, ataque avassalador.

Saiu a mal com PdC porque o presidente lhe falhou à promessa de contratar um avançado de qualidade para poder almejar os objectivos assumidos.

Resumindo, era um Jesus Holandês que não precisou de muito tempo de adaptação para ser campeão (ao contrário do Lopatego).


Também se esqueceu de deixar os jogadores jantarem no estágio porque queria dar 10 a uns tipos e os jogadores só deram 5.
Ultrapassou os limites da severidade e ele próprio já comentou que se arrependeu.
 

pedro64343

PORTO SEMPRE
Realmente com o Holandês, dava gosto ver o Porto jogar. A tática de 3 defesas e futebol de ataque era muito vistosa. Sofríamos muitos golos mas marcávamos ainda mais que era o mais importante pois o que interessa é ganhar os jogos e sendo jogos com muitos golos ainda dá mais gosto assistir. Foi pena os desentendimentos que teve e o facto de ter batido com a porta.
 

Catalao

Portista Divino
O treinador que mais gostava de ver de todos os falados era mesmo o Berizzo , o futebol que incute nas suas equipas é apaixonante e acho que rapidamente muito mais gente ia sentir vontade de ir ao dragão , para além disso podia significar um reinvestimento no mercado argentino que sempre foi dos meus preferidos e em que o Luís Gonçalves deve conhecer bastantes jogadores .
Só assim de cabeça : Marcos Acuña (Racing) , Emilano Rigoni (Independiente) , Sebastian Driussi (River Plate)
 
Estado
Fechado a novas respostas.
Top