Análise Relatório e Contas da SAD e Clube do FC Porto e de outros clubes

Vudu

Administrador
Membro do Staff
f6aa1cb28f0546dfc38facb5dd52c9f6.jpg
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
Sétimo vídeo. Em resumo:

- Passivo Corrente e Não Corrente: empréstimos bancários, empréstimos obrigacionistas e o seu histórico e outros empréstimos (factoring); os colaterais e garantias; Fornecedores (clubes aos quais o FC Porto comprou jogadores e quanto lhes deve);
- Capital Próprio e "Interesses que não controlam": a participação na EuroAntas; ...



Para quem estiver a gostar deste tipo de conteúdo e ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É um grande apoio para o projeto. Obrigado a todos!
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
Oitavo vídeo. Em resumo:

- Demonstração de Resultados: quanto recebe o FC Porto em quotas pagas pelos sócios; quanto poderá valer o naming do Dragão Arena; qual a renda recebida pelo FC Porto pela concessão da exploração da antiga sede;
- Balanço: qual a avaliação que o clube faz da SAD no seu Ativo; a importância da EuroAntas; o valor líquido do Dragão Arena;
- Movimento Associativo: a evolução do número de sócios de 2015 a 2021; os efeitos da pandemia como causa da diminuição drástica das receitas das quotas pagas e a reflexão de como isso pode dificultar a constituição de uma equipa de futebol feminino e/ou de outras modalidades ainda não existentes; ...



Para quem estiver a gostar deste tipo de conteúdo e ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É um grande apoio para o projeto. Obrigado a todos!
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
Depois de ter finalizado a análise ao Relatório e Contas da FC Porto SAD e Clube, comecei com a do Sporting CP SAD.
Este é o primeiro vídeo. Em resumo:

- Vendas e Prestações de Serviços: o recorde de vendas em Merchandising; o acordo com a NOS sobre os Direitos de Transmissão dos jogos em casa para o campeonato, da distribuição da Sporting TV e do patrocínio na camisola; Bilheteira: a receita da bilhética discriminada por competição/modalidade; Patrocínios e Publicidade: os principais patrocinadores do Sporting;
- Outros Rendimentos e Ganhos: os proveitos com a participação na Liga dos Campeões, o Ranking da UEFA a 10 anos para a entrada da época de 21/22 e também para a época 22/23.

 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O segundo vídeo. Em resumo:

- Custo das Mercadorias Vendidas: o aumento dos custos à boleia do aumento das vendas de Merchandising;
- Fornecimento e Serviços Externos: as comissões pagas pelo empréstimo do Sarabia e o novo negócio com a Nike;
- Gastos com o Pessoal: quem compõe o Conselho de Administração (CA) do Sporting CP SAD e os seus vencimentos; o modelo de avaliação da remuneração variável do CA; os prémios pagos ao treinador, equipa técnica e jogadores pelo desempenho e performance desportiva;
- Depreciações e Amortizações excluindo o plantel: o "Direito de Superfície" do Estádio José Alvalade e do edifício Multidesportivo; o Leasing referente à Academia de Alcochete;
- Provisões e Perdas por Imparidade excluindo o plantel: processos judiciais e incumprimentos por parte dos clubes que devem dinheiro ao Sporting pelas transferências de jogadores;
- Outros Gastos e Perdas: o mistério da subrubrica "Quotizações".



Para quem estiver a gostar deste tipo de conteúdo e ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É um grande apoio para o projeto. Obrigado a todos!
 
Última edição:
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O terceiro vídeo. Em resumo:

- As Amortizações nos Passes dos Jogadores: o que representam e o exemplo do Ugarte; As Perdas por Imparidade no plantel: o que são e em que casos se aplicam;
- Rendimentos com Transações de Jogadores: quais os jogadores vendidos pelo Sporting CP no semestre e respetivos valores; o mecanismo de solidariedade da FIFA (Matheus Pereira);
- Ativos Contingentes: o exemplo do Mama Balbé e o caso em tribunal do João Mário;
- Gastos com Transações de Jogadores: a percentagem dos direitos económicos dos jogadores nas mãos de terceiros e as comissões pagas nas vendas;
- Passivos Contingentes: as percentagens de vendas futuras prometidas a clubes aos quais o Sporting CP comprou jogadores;
- Resultados Financeiros: os juros pagos pela dívida contraída.



Para quem estiver a gostar deste tipo de conteúdo e ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É um grande apoio para o projeto. Obrigado a todos!
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O quarto vídeo. Em resumo:

- Ativos Intangíveis: o Valor do Plantel. Como é calculado o Valor Bruto e o Valor Líquido do Plantel do Sporting CP e como cada compra de um jogador influencia este Ativo; o dado curioso da contribuição do Rúben Amorim;
- Outros Ativos Intangíveis: o "Direito de Superfície" do Estádio José Alvalade e do edifício Multidesportivo cedido pelo Clube à SAD;
- Ativos Sob Direito de Uso: o contrato de leasing da Academia de Alcochete entre o BCP e a SAD sportinguista;
- Clientes Não Correntes: os clubes que devem dinheiro ao Sporting CP pela transferência de jogadores e quanto; o estranho caso do montante a pagar pela SAD do FC Porto pela aquisição do Rodrigo Fernandes;
- Clientes Correntes: os clubes que devem dinheiro de curto prazo ao Sporting CP pela transferência de jogadores e quanto;
- Outros Devedores Correntes: as relações financeiras com entidades do Grupo Sporting CP;
- Caixa e Equivalentes de Caixa: a conta de depósitos à ordem restritos - um primeiro olhar sobre os VMOC´s.



Para quem estiver a gostar deste tipo de conteúdo e ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É um grande apoio para o projeto. Obrigado a todos!
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O quinto vídeo. Em resumo:

- Financiamentos Obtidos: o desdobramento das dívidas contraídas pela SAD do Sporting CP; a importância do Factoring e o problema que ainda persiste do Descoberto Bancário; BCP e Novo Banco ainda com relação estreita com o clube;
- Fornecedores: clubes aos quais o Sporting CP deve dinheiro (a curto e médio prazos) pela transferência de jogadores e quanto deve; o estranho caso da aquisição do Marco Cruz; a enormidade de agências e agentes que intermediaram negócios e os montantes a que têm direito;
- Outros Credores Correntes: a "Associação em Participação" - resquícios dos tempos em que os fundos de investimento partilhavam passes de jogadores com os clubes; a acabar finalmente neste exercício?
- Capital Próprio: a situação de falência técnica - a eterna questão da subvalorização dos Ativos e um cenário financeiro que caminha para a solvabilidade.



Para quem estiver a gostar deste tipo de conteúdo e ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É um grande apoio para o projeto. Obrigado a todos!
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O sexto vídeo. Em resumo:

- Qual o valor pago pelos sócios em quotas recebido pelo Sporting Clube de Portugal, como tem evoluído o nº de sócios pagantes e as iniciativas promovidas pelo Clube para a sua angariação;
- A cedência do estádio à SAD e os recebimentos pela utilização da marca SCP na Sporting TV; como esta última é gerida (por uma empresa externa);
- Os Honorários: que tipo de contrato têm os atletas das várias Modalidades?
- Os Gastos com o Pessoal: as remunerações base e as adicionais, as indemnizações (altas devido a um despedimento coletivo) e o nº médio de colaboradores;
- O valor líquido contabilístico do Estádio José Alvalade, do Pavilhão João Rocha e do Multidesportivo; o ajuste contabilístico feito pelo Clube que ajudou a melhorar as Contas que levanta algumas dúvidas;
- A liquidação de 5 empresas do Grupo SCP para simplificar a estrutura organizacional; a estranha avaliação que o Clube faz da sua participação na SAD;
- A dívida bancária e o "Direito de Superfície" como maior Passivo do Clube.



Para quem estiver a gostar deste tipo de conteúdo e ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É um grande apoio para o projeto. Obrigado a todos!
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
Segue-se a análise às contas do 1ºS 21/22 da SAD do SL Benfica.
O primeiro vídeo. Em resumo:

- Prémios da UEFA: quanto encaixou o clube pela participação na Liga dos Campeões; o lugar no Ranking da UEFA a 10 anos - o Sistema de Pontos e a contribuição dos "Títulos";
- Receitas de Televisão: o negócio com a NOS; a venda por parte da SAD à SGPS da Benfica TV e o que isso representa; o valor recebido pelos jogos em casa para o campeonato; o organograma do Grupo SL Benfica;
- Patrocinadores: os 4 principais; a curiosidade de 2021 ter marcado 3 renovações e a presença inédita de uma marca na manga da camisola;
- Receitas de Jogos: quanto renderam as atividades Corporate; a receita de bilheteira de jogos para competições nacionais e internacionais; o Bilhete de Época.

 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O segundo vídeo. Em resumo:

- Grupo SL Benfica: leitura reforçada com dados financeiros sobre as empresas alienadas (Benfica Estádio e BTV);
- Fornecimentos e Serviços Externos: a "gestão operacional do estádio" e da BTV, a licença de utilização da marca "Benfica" e o compactar de outras subrubricas;
- Gastos com o Pessoal: as remunerações fixas e variáveis dos Órgãos Sociais e Pessoal (jogadores, técnicos e outros colaboradores);
- Depreciações e Amortizações: simples explicação dos conceitos, os principais ativos sobre os quais recaem e o exemplo prático de como é amortizado o "direito de utilização da marca";
- Provisões e Imparidades: simples explicação dos conceitos com exemplos.

 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O terceiro vídeo. Em resumo:

- Rendimentos: mais-valias de alienações de passes, montantes do empréstimo de jogadores a outros clubes e o Mecanismo de Solidariedade (MdS) a receber; Gastos: as menos- valias, os jogadores emprestados ao clube e o MdS a pagar;
- O Valor Contabilístico Líquido dos jogadores e o apurar de mais/menos-valias na venda de passes: exemplo prático do Luca Waldschimdt;
- A explicação dos conceitos de Amortizações e de Perdas de Imparidade nos passes dos atletas;
- Os juros encaixados relacionados com a alienação da Benfica Estádio e Benfica TV e o contrato swap para a taxa de juro; os juros pagos pelos empréstimos contraídos.



Para quem ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É uma enorme ajuda para o projeto. Obrigado a todos.
 
OP
OP
contábil

contábil

Portista
O quarto vídeo. Em resumo:

- Os principais Ativos Tangíveis: Benfica Campus e "Direito de Superfície" do Estádio da Luz; qual o Valor Bruto do referido direito, até quando a SAD detém a sua propriedade e quanto amortiza por exercício financeiro; a compra de terrenos ao Clube para expandir o Centro de Treinos e Estágios;
- Os Ativos Intangíveis: o Valor Bruto do Plantel: como varia e do que está dependente este Ativo; os jogadores contratados;
- Outros Ativos Intangíveis: o Valor Bruto e Líquido da marca "Benfica"; revisão do contrato para breve?
- Clientes e Outros Devedores: os jogadores vendidos e o montante em dívida a receber que a SAD espera que venha incumprido por parte dos clubes que contrataram jogadores ao Benfica;
- Outros Ativos: o valor prometido pela Benfica SGPS na altura da compra da Benfica Estádio e Benfica TV à SAD.



Para quem ainda não o tenha feito: subscreva o canal. É uma enorme ajuda para o projeto. Obrigado a todos.
 
Top