Equipa Técnica: Sérgio Conceição

DLX17

DLX17
Não foi nada disso que eu disse.

Estavam a queixar-se de ter defesas a bater penaltis, que nunca tinham visto o Felipe a marcar e que jogadores como Brahimi, Herrera e Marega deviam ter ido marcar.
Eu só dei o exemplo da época passada, em que o Felipe marcou os dois penaltis muito bem e o Brahimi e Herrera não foram felizes.

O ponto é precisamente esse: tirando o Alex Telles, mais nenhum jogador nos deixa tranquilos, todos tiveram penaltis mal executados num passado recente.

A juntar a isso, não vemos os treinos, não sabemos quem estava ou não a sentir-se confiante, não sabemos nada do que conduziu àquela escolha, a não ser o que o Sérgio disse: aqueles gajos bateram mais de 20 penaltis nos dias anteriores.

É por tudo isto que não serve de nada argumentar que devia ter ido C e D em vez de A e B porque A e B falharam.
Os treinos não dizem nada da aptidão de um jogador para bater penaltis. O fator pressão é decisivo, nos treinos não existe, nos jogos sim. Por um lado compreendo a teoria de que os centrais são mais tranquilos, mas bastava olhar para a cara do Felipe para perceber que ia falhar... daí ter dito que, apesar de já terem falhado recentemente, para mim faz sentido serem os avançados a marcar primeiro, porque são aqueles que mais vezes estão perto da baliza adversária.
 

24hdragao

Only One Race The Human Race
Tambem estou completamente de acordo que quem deve marcar penaltis (e dar-lhe confiança de os marcar é muitíssimo importante) são os atacantes.

A pressão destes desempates "ataca" os jogadores todos, no caso dum atacante ainda sobra a capacidade técnica, no caso dos defesas muitas das vezes não sobra quase nada.

Há exceções claro está e o Telles (não é por ter faturado) é claramente um jogador para bater penalti, aquele pezinho tem olhinhos.
O Hernâni embora seja atacante raramente bate bolas paradas, tem pouco ritmo de jogo e bastava olhar para a cara dele quando se dirigiu para bater o penalti, mais terror só mesmo a cara do Filipe.
 
Os treinos não dizem nada da aptidão de um jogador para bater penaltis. O fator pressão é decisivo, nos treinos não existe, nos jogos sim. Por um lado compreendo a teoria de que os centrais são mais tranquilos, mas bastava olhar para a cara do Felipe para perceber que ia falhar... daí ter dito que, apesar de já terem falhado recentemente, para mim faz sentido serem os avançados a marcar primeiro, porque são aqueles que mais vezes estão perto da baliza adversária.
Por isso é que pode ser difícil preparar a equipa da melhor maneira.

Vai na volta e os jogadores mais indicados até podiam ser os que falhavam mais nos treinos mas que na hora do aperto têm gelo nas veias e mandam um balázio que não dá hipóteses aos guarda-redes.

Mas sabemos lá quem são ou como é que isto foi abordado no Olival. Eu compreendi o Militão por ser um dos jogadores mais serenos da equipa, mas chega lá e consegue fazer o mais difícil :lol:
O Felipe, além de ter o peso do "se falhas já foste" já tinha visto dois colegas a falhar, já estava tudo fodido.
Já o Hernâni...para mim seria um dos últimos a bater.

Para mim a chave foi mesmo o penálti do Militão. Ficávamos em vantagem e a pressão aliviava para todos.
 

24hdragao

Only One Race The Human Race
Depois tambem há a p*ta da sorte que raramente parece querer alguma coisa connosco, contra os orcs b os compridos tinham falhado os dois.
 
Última edição:

DLX17

DLX17
Por isso é que pode ser difícil preparar a equipa da melhor maneira.

Vai na volta e os jogadores mais indicados até podiam ser os que falhavam mais nos treinos mas que na hora do aperto têm gelo nas veias e mandam um balázio que não dá hipóteses aos guarda-redes.

Mas sabemos lá quem são ou como é que isto foi abordado no Olival. Eu compreendi o Militão por ser um dos jogadores mais serenos da equipa, mas chega lá e consegue fazer o mais difícil
O Felipe, além de ter o peso do "se falhas já foste" já tinha visto dois colegas a falhar, já estava tudo fodido.
Já o Hernâni...para mim seria um dos últimos a bater.

Para mim a chave foi mesmo o penálti do Militão. Ficávamos em vantagem e a pressão aliviava para todos.
Mas é preciso olhar para os jogadores no fim dos 90 minutos e perceber quem está em condições de ir bater e quem não está... o Felipe viu-se a léguas que não estava...

Claro que não adianta nada estar agora com esta conversa porque, se tivesse ido o Marega e tivesse falhado estávamos a dizer o contrário. Está feito, está feito, mas espero mesmo que tenha sido a última vez que fomos eliminados nos penaltis, acho que já chega fds.
 
"É mau para a equipa que perde subir uma escadaria enorme onde estão os adeptos adversários. É uma situação a rever pela Liga. Palavrões eu também digo, mas o insulto gratuito e as cuspidelas já não existem, não fazem parte do futebol. E nós levámos todos com isso. Isso não foi bem feito. Levar com insultos, cuspidelas, com todo o tipo de 'mimos' dos adeptos do Sporting, para nós não era fácil ficar à espera da entrega da taça a levar com isqueiros, moedas e não sei mais o quê. Foi por isso. É bonito? Não é.

É condenável o ato do Diamantino Figueiredo? Obviamente que é. Assumimos essa responsabilidade, como sempre, fazemos isso de forma interna. Nas situações positivas dividimos os louros e nas situações negativas também.
Não digo que haja justificação para isso, mas houve provocação, que o levou a tomar esta atitude nada típica do Figueiredo.
Vêm falar das medalhas quando há coisas mais importantes para falar. Mas que fair-play? É como diz o outro, o fair-play é uma treta.
Tenho mau perder, tenho, assumo isso, muito mau perder, não sei perder. O FC Porto contratou-me para ganhar. Já quando ganho estou mal disposto, imaginem quando perco"
 

Mr. Robot

Portista Divino
O Silas então levou uma bem metida. O mesmo que eu já tinha dito no tópico do jogo. O ressabiado viu um jogo bem diferente do resto das pessoas.
 

Viriato

O Mágico nr. 10
Não tenho nada a apontar ao jogo porque a equipa foi forte e teve a atitude certa.
Agora no que toca á gestão do Marega, a equipa técnica tem responsabilidades porque espremeu o jogador até ao tutano, até rebentar... O Marega foi jogando sempre, fosse a fazer dupla com um 9, na ausência de um 9 foi ele o avançado, sempre somando minutos e desgaste até que a lesão aconteceu.

O Marega não precisava de jogar 90 em cima de 90 sempre. E agora pagamos o preço.
 

oblik

#neymarémodakelvinéfoda
E na pior altura que vamos ter uma sequência de jogos fora que precisamos de ganhar... espero que recupere rápido
 

Edgar Siska

Dark Lord
Membro do Staff
Talvez não devesse ter lançado o Otávio que ainda está a ganhar ritmo de competição.
Fez o que pode, como um treinador que queria ganhar.
 

NERU

Portista Divino
Eu acho que entramos bem, mas a segunda parte foi muito má, nao podemos falhar 1 ou 2 opurtunidades e depois abdicar de continuar a jogar... os ultimos 20 min praticamente nao fizemos nada
 

Edgar Siska

Dark Lord
Membro do Staff
Eu acho que entramos bem, mas a segunda parte foi muito má, nao podemos falhar 1 ou 2 opurtunidades e depois abdicar de continuar a jogar... os ultimos 20 min praticamente nao fizemos nada
Os ultimos 20 minutos foram pautados pelo anti jogo, por paragens e paragenzinhas, por todas as subs do Guimerdães......
 

NERU

Portista Divino
Os ultimos 20 minutos foram pautados pelo anti jogo, por paragens e paragenzinhas, por todas as subs do Guimerdães......
Tudo isso é verdade mas é preciso ser racional e ver que a bola vinha para os defesas e eles chutavam para a frente, o tiquinho segurava perdia, ataque deles... ganhavamos a bola, chuto para frente e foi assim um ciclo... nestes momentos é quando o treinador tem de intervir para mim
 
Top