Sub-19

Nuno90

Portista
Tópico dedicado aos jogos, notícias e competições da equipa sub-19 do FC Porto.

GUARDA-REDES


#01
Elói Silva
#22
Kadú (Júnior de 1.º ano)
#23
Luís Pinto (Júnior de 1.º ano)
#12
André Caio (Júnior de 1.º ano)


DEFESAS



#02
Jorge Azevedo (Júnior de 1.º ano)
#20
Tiago Ferreira
#21
Gil Dias (Ex-Gondomar)
#03
Hugo Basto
#04
André Teixeira
#05
Lima Pereira (Júnior de 1.º ano)
#18
Rafael Floro (Júnior de 1.º ano - Ex-Internacional CA)
#06
Luís Rafael (Sub-17)


MÉDIOS



#14
Paulo Jorge
#15
Mikel Agu
#17
Enoch Ebo
#10
Tozé Carvalho
#08
Ricardo Alves
#06
Leandro Silva (Júnior de 1.º ano)
#19
Rui Cardoso (Júnior de 1.º ano)


AVANÇADOS



#24
Adriano Castanheira (Ex-Nacional - Regressado após empréstimo)
#13
Ricardo Catarino (Ex-Nacional - Regressado após empréstimo)
#07
Fábio Martins
#11
Frédéric Maciel (Júnior de 1.º ano)
#25
Lupeta
#09
Thibaut Vion (Ex-Metz)
#16
Gonçalo Paciência

-plantel actualizado a 3/7811-
 

Nuno90

Portista
MIKEL CUMPRE OBJECTIVO NO FC PORTO

Após duas épocas de trabalho, finalmente Mikel Agu assinou contrato com o FC Porto

Depois de uma temporada de sucesso, os Juniores do FC Porto configurarão uma nova página, procurando avançar para um futuro de semelhantes alegrias, meta que poderá ser alcançada com os valores que há alguns anos se encontram no clube, com alguns reforços que entram com naturalidade para fortalecer posições que perderam elementos que por uma questão etária seguiram para o futebol sénior.

Não se poderá esquecer um reforço que se torna especial pelo grande conhecimento que possui da casa azul-e-branca. Destacado nos últimos anos como um elemento dotado de grande visão de jogo e pela grande visibilidade que poderá conseguir a curto prazo, o nigeriano Mikel Agu será o reforço mais acarinhado pelos azuis-e-brancos pelo seu exemplo de persistência.

Jovem nigeriano sonha há algum tempo com uma carreira no Dragão

O jovem encontra-se há já dois anos a residir no Centro de Treinos do Olival, a 'fábrica de talentos' do FC Porto, sem poder competir em competições oficiais, numa espera paciente pela sua oportunidade. Presente na Cidade Invicta desde que chegou para o plantel de Juvenis A dos dragões há duas épocas, Mikel vê agora chegar a sua oportunidade para explodir no Dragão.

Há muito remetido apenas a treinos e encontros particulares, Mikel acaba recompensado pela espera, dado que esta lhe valeu o tão desejado contrato profissional com o FC Porto, que premeia o seu esforço e a sua qualidade que continua a ser valorizada pela selecção da Nigéria, onde o jovem se mantém como um dos nomes mais promissores, parecendo Mikel Agu destinado a uma carreira de sucesso.

Características do jogador suscitam comparações com o compatriota John Obi Mikel

Mikel será uma das grandes novidades no grupo portista no escalão de sub-19, juntando-se a um grupo coeso que receberá também como novidades os regressados extremos Adriano Castanheira e Ricardo Catarino, que se encontraram cedidos ao Nacional da Madeira, e o ponta-de-lança francês Thibault Vion, formando um lote de reforços de grande qualidade entre os quais o africano poderá ser destaque pelo facto de há algum tempo ser alvo de comparação com um conhecido homónimo.

Não só pelo nome, mas também em termos estilísticos, Mikel Ndubusi Agu é visto como um fiel sucessor do famoso compatriota que há alguns anos compete em Inglaterra, John Obi Mikel, que poderá encontrar dentro de alguns anos um companheiro de características muito semelhantes no seio das Super Águias caso a evolução do jovem agora contratualmente ligado ao FC Porto se mantenha nesta última época ao serviço do seu plantel de Juniores.

Mikel foi sujeito a duas épocas sem jogar até poder juntar-se aos Juniores portistas de forma oficial

"Depois de ter treinado com a primeira equipa do FC Porto desde a época 2009/10, Mikel é agora oficialmente jogador do FC Porto, toda a sua documentação já chegou até agora," anuncia Emmanuel Echiejilé, agente do jovem atleta e familiar de Elderson Echiejilé, lateral do Sporting de Braga e amigo pessoal do jovem jogador.

Nas suas palavras, o representante recordou um quotidiano frequente do jogador, que por várias ocasiões evoluiu junto dos craques azuis-e-brancos em sessões de treino que certamente terão ajudado a ultrapassar o hiato competitivo a que foi sujeito.

Tendo já passado dois anos desde que os dragões o descobriram no seu país, Mikel Agu parece pronto para recuperar o tempo perdido, esperando aos 18 anos assumir um posto de destaque no meio-campo portista, um passo que se aguarda para um futebolista que há muito os adeptos desejam ver de perto.

Texto: Redacção Academia de Talentos
Imagem: D.R.

Aguardo ansiosamente por ver este puto brilha! Apostas em África podem dar grandes frutos!
 

mestre

Novato
Tenho pena que os nossos jovens não consigam aparecer na equipa principal quando passam a séniores... :(
 
Top