Vítor Pereira

vitordaniel

"A arte de vencer aprende-se nas derrotas."
Ganhou aos 90+7 com um golaço de nani de livre


http://www.youtube.com/watch?v=fK797dX0OL0
 

vitordaniel

"A arte de vencer aprende-se nas derrotas."
http://www.maisfutebol.iol.pt/incrivel/made-in/video-vitor-pereira-faz-do-balneario-uma-pista-de-danca




:lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: :lol: Este gajo nao bate bem so pode
 

ACouto

Portista
https://www.youtube.com/watch?v=hgECApYAO-E


"O Benfica contra nós joga sempre assim"


Foi um erro tão grande ter mandado este senhor embora. Em 60 jogos, tem 1 derrota. 1 derrota contra o Gil Vicente com o Paixão a fazer o seu trabalho. Em não sei quantos jogos contra o Benfica e Sporting, tem 1 derrota - Taça da Liga, equipa rodada na Luz.


Eles tinham medo puro de jogar contra nós. Sabiam que éramos superiores e muito superiores. O VP tinha tudo para ter ficado aqui uns anos e criar uma estabilidade enorme. Estaríamos, penso eu, bem melhores com o VP aqui.
 

ACouto

Portista
Ricardo Rodrigues disse:
A relação com o adeptos impossibilitou a sua continuidade.
E porquê? Porque os adeptos foram muito ingratos para com ele.
Em 2011/12, tinha metade da equipa contra ele, não tinha PL. Foi à Luz com o Janko, Djalma e meteu-os em sentido. Na época seguinte, tinha um banco ainda pior, foi lá e assumiu o jogo - assumia sempre. Foi com o Sebá à Luz, por amor de Deus. O Benfica não tinha coragem para jogar de igual para igual connosco, era sempre na retranca à espera do golo cagão.


Isso ainda me revolta mais. Saiu porque os adeptos achavam - e se calhar ainda acham - que um bom treinador é aquele que é campeão com 20 de avanço. Isso, salvo casos pontuais, já não existe, há muito equilíbrio.


E não me esqueço do jogo com o Barcelona, na supertaça. Abordou-o muito bem, teve azar na forma como sofreu o 0-1.
 

Ricardo Rodrigues

Portista Divino
ACouto disse:
Ricardo Rodrigues disse:
A relação com o adeptos impossibilitou a sua continuidade.
E porquê? Porque os adeptos foram muito ingratos para com ele.
Em 2011/12, tinha metade da equipa contra ele, não tinha PL. Foi à Luz com o Janko, Djalma e meteu-os em sentido. Na época seguinte, tinha um banco ainda pior, foi lá e assumiu o jogo - assumia sempre. Foi com o Sebá à Luz, por amor de Deus. O Benfica não tinha coragem para jogar de igual para igual connosco, era sempre na retranca à espera do golo cagão.


Isso ainda me revolta mais. Saiu porque os adeptos achavam - e se calhar ainda acham - que um bom treinador é aquele que é campeão com 20 de avanço. Isso, salvo casos pontuais, já não existe, há muito equilíbrio.

E não me esqueço do jogo com o Barcelona, na supertaça. Abordou-o muito bem, teve azar na forma como sofreu o 0-1.

Eu não estou a discordar de ti. Eu gosto do VP, acho que era um bom treinador para termos estabilidade do banco, apesar de ter algumas lacunas.

Na altura concordei com a sua saída, foi o melhor para ele.
 

btx

Portista Divino
Foi o melhor para ele na altura mesmo. Mas fomos uns burros e uns ingratos, contra mim falo.
Mas não me parece que vá acontecer o mesmo com o actual treinador ou muito mal estaremos no futuro.
 

ACouto

Portista
Ricardo Rodrigues disse:
ACouto disse:
Ricardo Rodrigues disse:
A relação com o adeptos impossibilitou a sua continuidade.
E porquê? Porque os adeptos foram muito ingratos para com ele.
Em 2011/12, tinha metade da equipa contra ele, não tinha PL. Foi à Luz com o Janko, Djalma e meteu-os em sentido. Na época seguinte, tinha um banco ainda pior, foi lá e assumiu o jogo - assumia sempre. Foi com o Sebá à Luz, por amor de Deus. O Benfica não tinha coragem para jogar de igual para igual connosco, era sempre na retranca à espera do golo cagão.


Isso ainda me revolta mais. Saiu porque os adeptos achavam - e se calhar ainda acham - que um bom treinador é aquele que é campeão com 20 de avanço. Isso, salvo casos pontuais, já não existe, há muito equilíbrio.

E não me esqueço do jogo com o Barcelona, na supertaça. Abordou-o muito bem, teve azar na forma como sofreu o 0-1.

Eu não estou a discordar de ti. Eu gosto do VP, acho que era um bom treinador para termos estabilidade do banco, apesar de ter algumas lacunas.

Na altura concordei com a sua saída, foi o melhor para ele.
Sim, eu sei, constataste um (infeliz) facto. Não queria que parecesse um ataque xD Mas é triste que tenha saído pelos motivos que saiu.


Sim, concordo. A saída foi o melhor para ele, talvez não o melhor para o clube, mas, dadas as circunstâncias, foi mesmo o melhor para ele. Infelizmente...
 

kaRam

Novato
Continuo a não gostar do Vítor Pereira, nem tive motivos até agora para mudar de opinião. Mas sem qualquer dúvida que seria um grande upgrade face ao Lopetegui.

ACouto, descreveste bem as virtudes do Vítor Pereira e os momentos em que teve bastante mérito, mas não é coerente da tua parte não referires os fracassos na Champions e na Taça de Portugal.
 

ACouto

Portista
kaRam disse:
Continuo a não gostar do Vítor Pereira, nem tive motivos até agora para mudar de opinião. Mas sem qualquer dúvida que seria um grande upgrade face ao Lopetegui.

ACouto, descreveste bem as virtudes do Vítor Pereira e os momentos em que teve bastante mérito, mas não é coerente da tua parte não referires os fracassos na Champions e na Taça de Portugal.
Na primeira época, relembro que tinha uma pequena guerra civil dentro do plantel. Geriu da melhor forma possível até janeiro. Custa-me condenar um treinador que tenta gerir um plantel que está contra ele. Não obstante, houve melhorias na segunda época. Fomos eliminados pelo Málaga (que disputou um jogo equilibradíssimo contra o Dortmund de seguida - Dortmund que foi finalista vencido nesse ano) porque o Defour teve uma paragem cerebral. Se ontem não culpamos o Lopetegui pelo erro do Marcano, como é que podemos culpar o VP pela paragem cerebral do Defour?


Na Taça de Portugal - a primeira época penso que há pouco a dizer, sinceramente. Na segunda época, foi um autogolo do Danilo, se não estou em erro, que deitou tudo a perder em Braga. Aqui, contudo, acho que fez mal em rodar a equipa para poupar contra o PSG. No entanto, se tivesse um plantel mais forte, se calhar, poderia rodar mantendo mais qualidade. Nessa altura, rodar significava jogar com Abdoulaye, Kléber, Atsu, por exemplo.
 

Kuroo

Equality
Membro do Staff
ACouto disse:
kaRam disse:
Continuo a não gostar do Vítor Pereira, nem tive motivos até agora para mudar de opinião. Mas sem qualquer dúvida que seria um grande upgrade face ao Lopetegui.

ACouto, descreveste bem as virtudes do Vítor Pereira e os momentos em que teve bastante mérito, mas não é coerente da tua parte não referires os fracassos na Champions e na Taça de Portugal.
Na primeira época, relembro que tinha uma pequena guerra civil dentro do plantel. Geriu da melhor forma possível até janeiro. Custa-me condenar um treinador que tenta gerir um plantel que está contra ele. Não obstante, houve melhorias na segunda época. Fomos eliminados pelo Málaga (que disputou um jogo equilibradíssimo contra o Dortmund de seguida - Dortmund que foi finalista vencido nesse ano) porque o Defour teve uma paragem cerebral. Se ontem não culpamos o Lopetegui pelo erro do Marcano, como é que podemos culpar o VP pela paragem cerebral do Defour?


Na Taça de Portugal - a primeira época penso que há pouco a dizer, sinceramente. Na segunda época, foi um autogolo do Danilo, se não estou em erro, que deitou tudo a perder em Braga. Aqui, contudo, acho que fez mal em rodar a equipa para poupar contra o PSG. No entanto, se tivesse um plantel mais forte, se calhar, poderia rodar mantendo mais qualidade. Nessa altura, rodar significava jogar com Abdoulaye, Kléber, Atsu, por exemplo.

Aproveito para relembrar que podíamos ter dado uns 6-0 no Dragão nessa eliminatória, de tão superiores que fomos e tantas oportunidades que tivemos.
 
Não esquecer que a única experiência dele como treinador principal tinha sido à frente do Santa Clara.

E claro, lacunas vão todos ter. Ninguém é perfeito. Olhando aos plantéis que teve, o VP fez imenso.


Felizmente temos adeptos "exigentes" e hoje estamos numa situação melhor do que estaríamos com um treinador bicampeão.

/sarcasmo
 
Top